Dança do Ventre Paraty

A Dança do Ventre tem origem no Oriente, também conhecida como Dança Oriental, É uma arte milenar, pinturas da época faraônica mostram mulheres dançando e tocando instrumentos. Nesses tempos antigos mulheres dançavam para celebrar a fertilidade,a colheita, a chegada de uma criança ou simplesmente para estarem entre si e compartilhar essa energia. Essa dança que é vista sempre como algo misterioso, diferente e também atraente, permite que a mulher entre em contato com seu corpo, sua essência feminina e sua criatividade.

Os benefícios físicos e emocionais fazem da dança do ventre uma terapia corporal e mental importante para trabalhar a autoestima, combater a depressão, estimular o convívio social, relaxar o corpo e combater o estresse. Quem pratica essa modalidade aprende a cuidar e aceitar melhor o próprio corpo, passa a observar que tem diversas qualidades que talvez nunca tenham sido trabalhadas antes.

Venha experimentar às quintas no Canto Caiçara na praia do Jabaquara das 9 às 10 horas da manhã.

A professora sou eu Beatriz, Mama Chakra, que sou testemunha viva de como a dança melhorou minha vida, regulou ciclos menstruais, me ensinou a conhecer e sentir melhor meu corpo. Sou tão apaixonada por essa dança que fui parar até no Egito para estuda lá e viver a cultura de perto. Essa dança é uma oração sutil e poderosa da essência feminina.

Beatriz Simbiya
Também conhecida como Mama Chakra, Beatriz Simbiya é cidadã do mundo, artista, fotógráfa e terapeuta holística.  Facilita aulas e vivências de yoga, dança e temas de energia sagrada feminina entre outros assuntos do mundo holístico. Está também todas as quarta-feiras 11 da manhã na Rádio Nova FM 87.9 em Paraty. Atende com sessões de terapias holisticas,reiki e massagem energética relaxante Como fotografa cria retratos da alma, usando a fotografia como uma ferramenta de auto conhecimento.

Deixe aqui sua opinião sobre este assunto!