Guerra declarada entre o condomínio Laranjeiras e os moradores da Praia do Sono, Ponta Negra e região

6 Resultados

  1. Claudia disse:

    Eu surtei domingo agora nesse condomínio, pois estava com um grupo de 15 pessoas e o motorista da van particular que nos trouxe, quando nos deparamos com esse absurdo. O que está acontecendo nesse condomínio é inconstitucional eu gritei, o cidadão tem o seu direito garantido de ir e vir, eles estão proibindo da forma mais arrogante possível que moradores, turistas e visitantes, transitem naquele lugar. Quando reclamei, ainda fui mal tratada de forma debochada por um profissional despreparado que presta serviço la. Em pleno século 21, no Brasi, ainda somos obrigados a conviver com esse tipo de contravenção, uma vergonha, alguém tem que dar um fim nessa loucura.

  2. Ulisses Garzillo Bourdon disse:

    Eu e minha esposa passamos a lua de mel em Parati e ficamos chocados com o que vimos na praia de laranjeiras. O condomínio exigiu a apresentação de nossos RGs, anotou nome é telefone, endereço, procedência alegando q só assim nos deixaria passar pela única entrada q dá acesso à praia. Nos seguiram e fiscalizam todos os nossos passos. É uma afronta! Nunca mais voltamos a Parati e contamos isso a todas as pessoas para q não vão passar férias ou viajar a Parati. A elite q mora em Parati é uma vergonha.

  3. Thais Regina Rosada disse:

    Será que eles deixam ter acesso a trilha pessoas com cachorros? Estou querendo ir após o carnaval com eles para a Praia do Sono… Um absurdos os relatos sobre as restrições de acesso a praia…

    • guidonietmann guidonietmann disse:

      Thais, cachorros são proibidos em praias. Eles passam doenças pelas fezes, como o bicho de pé! Sugiro contratar um hotelzinho para cães, ou uma pousada pet-friendly onde ele possa ficar!

  1. 18 de Fevereiro de 2018

    […] Condomínio. De volta ao nosso Airbnb fomos pesquisar um pouco e encontramos matérias que falam da relação conflituosa entre os moradores das comunidades do entorno com o Condomínio e confirmamos nossas suspeitas: a […]

Deixe seu comentário