“Não me mate por favor.” – por Andrea Dórea

“Me empresta seu batom?”
“Acabou o absorvente.”
“Meu Deus que cólica.”
“Sim, tenho duas filhas, mas isso não significa que não darei conta do meu trabalho.”
“Estou gorda!”
“Já disse que não quero!”
“Eu disse não!”
“Gostosa é a sua mulher que está te esperando em casa.”
“Chega pra lá por favor!”
“Por que eu ganho menos que ele se faço um trabalho melhor?”
“Não vou trocar a roupa, eu visto o que quero!”
“Socorro, uma espinha no meu rosto!”
“Amiga vamos no banheiro?”
“Eu amamento meu filho onde quiser!”
“Aqui em casa quem paga as contas sou eu!”
“Te encontro depois do trabalho, assim que fizer o jantar e der banho nas crianças.”
“Não sou histérica, sou intensa!”
“Não sou de chorar, mas esta flor é tão bonita!”
“Por que você está me batendo?”
“Nunca mais encoste a mão em mim!”
“Não me mate por favor.”

Texto de Andrea Dórea

Roberta Pisco

Roberta Pisco

Roberta Pisco é fotógrafa e produtora cultural, com mais 10 anos de experiência no mercado cultural do Rio de Janeiro. Aprendiz de escritora e de viajante, sempre tem uma lista enorme de filmes para ver e de livros para ler. Meio palhaça, meio nerd, é especialista na arte de rir de si mesma e de provocar reações inesperadas. Carioca convicta, apaixonou-se por Paraty, onde mora e desenvolve seu trabalho como fotógrafa. Junto com Guido Nietmann, criou a Fotos Incríveis, empresa especializada em imagens de altíssima qualidade nas áreas de imobiliária e ambientes, gastronomia, náutica, still (produtos), paisagens, aéreas, etc. Atualmente fotografam para as melhores empresas da Costa Verde.  www.fotosincriveis.com.br https://www.facebook.com/fotosincriveis.com.br https://www.instagram.com/querofotosincriveis/

Deixe aqui sua opinião sobre este assunto!